Facebook YouTube Contato
Home Articles posted by Léo Coutinho
formats

45 dias imprevisíveis – um olhar sobre a largada eleitoral

Inaugurada oficialmente no domingo 27 de setembro, a corrida pelas prefeituras deve ser turbulenta como todo o mais nos últimos tempos. Aqui trataremos de São Paulo, capital. São 45 dias imprevisíveis. Celso Russomano colocou o bloco na rua. Antes receoso em função das duas últimas rodadas, quando começou isolado na frente e não chegou sequer

 
 Share on Facebook Share on Twitter Share on Reddit Share on LinkedIn
No Comments  comments 
formats

Olhar sobre as redes sociais dos principais candidatos à prefeitura de SP

Análise feita para uso interno em 01/09/2020 Olhar sobre as redes sociais dos principais candidatos à prefeitura de SP   Panorama geral: . Dentro da pandemia, obviamente o peso das redes será ainda mais decisivo do que nas eleições anteriores; . Corrida polarizada e nacionalizada, tanto ou mais do que 2016; . Engajamento se dá

 
 Share on Facebook Share on Twitter Share on Reddit Share on LinkedIn
No Comments  comments 
formats

O dilema social ou o Renascimento 5.0

Filme mais comentado do momento, O dilema das redes, documentário em cartaz no Netflix, reúne depoimentos de diversos ex-executivos das grandes empresas que trabalham as chamadas redes sociais. No original, em inglês, o título é melhor: The Social Dilemma, ou O Dilema Social, porque é antes da sociedade do que da tecnologia das redes que

 
 Share on Facebook Share on Twitter Share on Reddit Share on LinkedIn
No Comments  comments 
formats

Se segura, freguesia

Numa coluna recente o Antônio Prata meteu: não sou burro, sou inteligente, mas sou trouxa. Já o elogiei e peço licença para me filiar ao partido dos trouxas inteligentes, até porque é urgente fazer oposição aos burros espertos. Uma vez filiado, e sendo democrático o partido, meto eu meu palpite: como ninguém é esperto o

 
 Share on Facebook Share on Twitter Share on Reddit Share on LinkedIn
No Comments  comments 
formats

Vaidade e silêncio

Em 2012 fui ao iFHC ver uma mesa sobre as novas classes médias na Índia e na África do Sul. Ouvindo o Pratap Bhanu Metha, intelectual indiano e então presidente do Centro de Estudos Políticos de Nova Deli, tive um estalo: mil milionários valem mais do que um bilionário. Mas foi só em 2013, quando

 
 Share on Facebook Share on Twitter Share on Reddit Share on LinkedIn
Comentários desativados  comments 
formats

Você nunca, Moninha

Um dos próceres da geração dela disse que os bons morrem cedo. Verdade absoluta. E não tem a ver com idade, que é dado banal. Tem a ver com ser bom, que é o que importa. Sempre que alguém bom se vai é cedo para quem fica. A máxima é do Renato Russo. Ou talvez

 
 Share on Facebook Share on Twitter Share on Reddit Share on LinkedIn
Comentários desativados  comments 
formats

Sem assunto, com afeto

Desde sempre ouço dizer que o homem inventou a roda, e a sentença soa mal aos meus ouvidos. Primeiro porque não pode ter inventado algo que está na natureza, nas plantas, nas frutas, na lua, no sol. No máximo, descobrimos ou adaptamos. Depois porque provavelmente foi a mulher. Sei que homem, no caso, é no

 
 Share on Facebook Share on Twitter Share on Reddit Share on LinkedIn
Comentários desativados  comments 
formats

A ralé saiu do armário

Todo santo dia, todo dia santo, chega um vídeo de um representante da ralé ensandecida. Pode ser vigia de supermercado, segurança de metrô, passageiro de ônibus, policial que pisa em pescoço, engenheiro que virou uber, desembargador, dançarina do Faustão, presidente da República. Aqui e alhures. A praga é mundial. Antes que me acusem de elitismo,

 
 Share on Facebook Share on Twitter Share on Reddit Share on LinkedIn
Comentários desativados  comments 
formats

Vania agora é luz eterna

Era tão sensível, divertida, carinhosa. A sensibilidade, conheci antes dela própria, pela sua fotografia. O lado divertido e carinhoso veio depois, convivendo numa amizade quase sempre em torno do Copan, onde ela morava. Uma xícara no café Floresta, umas e outras no Dona Onça, parando para ver sua exposição no Museu da Diversidade dentro da

 
Tags:
 Share on Facebook Share on Twitter Share on Reddit Share on LinkedIn
Comentários desativados  comments 
formats

Marco do saneamento: se der certo, deu errado

Não é o saneamento que tem que chegar a todos, mas o inverso: todos é que tem que chegar ao saneamento. Temos infraestrutura concentrada nas cidades, que seguem espraiadas por fatores diversos como pressão do mercado e não aplicação do uso social dos imóveis, demofobia. Há cem milhões de brasileiros sem esgoto, dos quais 35

 
 Share on Facebook Share on Twitter Share on Reddit Share on LinkedIn
Comentários desativados  comments