Facebook YouTube Contato
Home Articles posted by Léo Coutinho
formats

Waze bêbado

O Waze sabe de tudo. E no detalhe. Se você desce a Angélica no sentido centro e quer dobrar à esquerda na Maranhão perto das 21h00, ele orienta fazer retorno pela direita. Mas se ao chegar no cruzamento o relógio bater nove da noite, ele recalcula e manda dobrar à esquerda. Dentro do carro vai

 
 Share on Facebook Share on Twitter Share on Reddit Share on LinkedIn
No Comments  comments 
formats

Bansky revelado e Harry, o grande

Bansky revelado A história é mais ou menos assim: Chico Buarque driblava a zaga da ditadura militar. Com os censores no pé de todo mundo, e no dele em especial, o jeito era ser um tipo de Pelé no palco. Deu certo. Ele botou várias entre os coturnos. Sabiá, em parceria com o Tom, talvez

 
 Share on Facebook Share on Twitter Share on Reddit Share on LinkedIn
No Comments  comments 
formats

Tem que manter isso aí e caldo de galinha

Tem que manter isso aí Nunca antes na história deste país um presidente da República foi denunciado. Se o Presidento queria um legado definitivo para o breve périplo que faria pelo terceiro andar Palácio do Planalto, conseguiu. Não é pouca coisa. Logo que viu seu grupo político – ou a maior e mais perigosa quadrilha

 
 Share on Facebook Share on Twitter Share on Reddit Share on LinkedIn
No Comments  comments 
formats

Folhinha

Passo por uma banca de jornal a vejo numa capa, linda, como não poderia ser diferente. Giselle puxando o cordão das musas eternas do calendário Pirelli. Parei e me permiti a um instante de contemplação. Retomando a caminhada o homem se põe a pensar. E me ocorreram teorias sobre o calendário. O doutor Modesto Carvalhosa

 
 Share on Facebook Share on Twitter Share on Reddit Share on LinkedIn
No Comments  comments 
formats

Lei Soninha

No dia dois de janeiro a Nova Gestão madrugou na Praça 14 Bis em uniforme de gari e vassouras por estandarte. Era a estreia do prefeito João Doria. Símbolo do programa Cidade Linda, a avenida Nove de Julho seria transformada, com atenção especial às dezenas de desabrigados que se amontoavam sob o Viaduto Plínio de

 
 Share on Facebook Share on Twitter Share on Reddit Share on LinkedIn
No Comments  comments 
formats

O PSDB só tem dois caminhos: mais PSDB ou o fim

Quando me perguntam por que sou tucano, respondo que eu nasci assim, eu cresci assim, e sou mesmo assim, vou ser sempre assim. À modinha de Gabriela. Ou, mais exatamente, Montoro, meu tio avô, fundador do PSDB que anotou o seguinte na abertura do manifesto original do partido: “Longe das benesses oficiais, mas perto do

 
 Share on Facebook Share on Twitter Share on Reddit Share on LinkedIn
No Comments  comments 
formats

Notas Soltas – Dois palitos

Escrevi recentemente que a gente demora para fazer as coisas. Da abolição da escravatura falei quarenta anos. O Elio Gaspari corrigiu para 50. Mas lembrou que a tramitação do projeto levou 64 dias. E por falar nesse número também lembrou que o Parlamentarismo em 1961 só precisou de uma PEC e 48 horas para ser

 
 Share on Facebook Share on Twitter Share on Reddit Share on LinkedIn
No Comments  comments 
formats

Notas Soltas – Em frente! Mas cuidado com o désireux

Em frente! Mas cuidado com o désireux   A gente precisa dar uma ajustada no entusiasmo em relação ao Macron. Para menos. Excesso de expectativa não ajuda. O nego é um fenômeno, ninguém duvida. O Republica em Marcha! tomou 308 das 577 cadeiras da Assembleia Nacional, sendo que o governo só precisa de 289 para

 
 Share on Facebook Share on Twitter Share on Reddit Share on LinkedIn
No Comments  comments 
formats

Notas Soltas – A base da derrota

A derrota do governo na Comissão de Assuntos Sociais do Senado é mais um retrato da zona instalada no país. A senadora Kátia Abreu, conservadora, ruralista e melhor amiga extraordinária da Dilma, bateu boca com a historicamente progressista Marta Suplicy, petista de origem ora no PMDB. Detalhe: a primeira falou contra e a segunda a

 
 Share on Facebook Share on Twitter Share on Reddit Share on LinkedIn
No Comments  comments 
formats

Terra arrasada

A última voga no circuito das conferências, palestras, fóruns e afins é o elogio ao comportamento do brasileiro em auditórios estrangeiros. Destaque para rodadas recentes nos EUA e no Reino Unido, feitas pelo MIT/Harvard e Oxford/London School of Economics, respectivamente. Juntam gente que teoricamente discorda e ficam lá, pasmados com a urbanidade, admirando antes a

 
 Share on Facebook Share on Twitter Share on Reddit Share on LinkedIn
No Comments  comments