Facebook YouTube Contato
Home Archive for category "O pio do araçari"
formats

Bishop na Flip

A turma estava ansiosa na Praça Matriz de Paraty, abarrotada. Era a abertura da primeira Flip, que depois de muito trabalho saía do papel com ajuda da editora inglesa Liz Calder. O homenageado seria Vinícius de Moraes. Sua filha Suzana estava no palco. Eis que a plateia vem abaixo. Era o Chico, ainda unanimidade, que

 
 Share on Facebook Share on Twitter Share on Reddit Share on LinkedIn
No Comments  comments 
formats

O fator Dias Gomes

Dum e doutro lado radicais estrilam contra a TV Globo. É impressionante. Compreende-se a mágoa geral pelo apoio ao golpe do primeiro de abril de 1964, a edição tendenciosa do debate de 1989, o Galvão Bueno. Mas noves fora o último, a empresa fez a autocrítica que a sociedade tanto pede a outras entidades e

 
 Share on Facebook Share on Twitter Share on Reddit Share on LinkedIn
No Comments  comments 
formats

Um cabo, um soldado e um contador

Me lembro de uma crônica do Luís Fernando Veríssimo onde um personagem narra em primeira pessoa como é tratado: me chamam de doutor, mas sou rico, não doutor. Pude experimentar a sensação lá pelos vinte anos, ao ganhar um sedã escuro. Cheguei no posto de gasolina que frequentei a vida inteira sendo tratado pelo nome

 
 Share on Facebook Share on Twitter Share on Reddit Share on LinkedIn
No Comments  comments 
formats

O dia em que João Doria evitou um massacre

Corria bem o convescote. Até que… Mas antes vamos contextualizar. Numa manhã de sábado, véspera das eleições presidenciais de 1998, dezenas de Porsches se reuniram na avenida Europa, Zona Oeste da cidade de São Paulo, e saíram em cortejo pela rodovia dos Bandeirantes até Indaiatuba, interior do estado. O destino era o Helvetia Polo Clube,

 
 Share on Facebook Share on Twitter Share on Reddit Share on LinkedIn
No Comments  comments 
formats

Fuscão Preto, a águia e o Falcão

“Um dia acordei injuriado e liguei pro Bush”, dizia Lula quando presidente. Naquele período o Palácio do Planalto e a Casa Branca tinham boa relação. Os presidentes tinham afinidades múltiplas, assim como quando sob FHC e Bill Clinton. Já o Obama, justo ele!, foi pego grampeando a Dilma. Hoje Bolsonaro amanheceu com um tuíte do

 
 Share on Facebook Share on Twitter Share on Reddit Share on LinkedIn
No Comments  comments 
formats

Inês pode ser a sua filha

Já estive em Paraisópolis e andei pelas vielas e becos onde morreram pisoteadas nove jovens na madrugada de sábado para domingo. Posso afirmar que até o ar tem dificuldade de circular por elas. Agora imagine cinco mil pessoas desesperadas, correndo de tiro, porrada e bomba. Passadas 24 horas, surgem análises dizendo que à polícia militar,

 
 Share on Facebook Share on Twitter Share on Reddit Share on LinkedIn
No Comments  comments 
formats

Música, a língua universal

Tive uma passagem rápida pela propaganda. Modéstia fora, tinha talento. Mas não tenho vocação. E guardo lembranças mais agradáveis do que desagradáveis daquele então. Com muito carinho, por exemplo, me lembro de uma convivência que em menos de um mês se tornou inesquecível. Um craque do setor chamado Toninho Neto trabalhava na Fischer Flórida e

 
 Share on Facebook Share on Twitter Share on Reddit Share on LinkedIn
No Comments  comments 
formats

ABC

Me lembro do Pelé cantando aquele jingle da alfabetização, abecê, abecê. Nos fazia acreditar que com educação o país seguiria em frente. Ou melhor, sairia do buraco. Hoje receio que não, nem assim. O jingle afirmava: quem bom vai ser, o nosso Brasil, quando todo mundo souber ler e escrever. Pois é. Parece lógico. Mas

 
 Share on Facebook Share on Twitter Share on Reddit Share on LinkedIn
No Comments  comments 
formats

Paulo Guedes assume a canalhice antidemocrática

O que foi a reação da polícia fluminense para dispersar a comemoração rubro-negra nas ruas? Armas de fogo em punho mirando civis desarmados, alguns acompanhados por crianças. A resposta clássica é atribuída a Pedro Aleixo, vice-presidente do marechal Costa e Silva, único membro do gabinete que se recusou a assinar o famigerado AI-5. Interpelado pelo

 
 Share on Facebook Share on Twitter Share on Reddit Share on LinkedIn
No Comments  comments 
formats

Viva o Uruguai

Com turbulências em grande parte da vizinhança, o Uruguai atravessou o período eleitoral com estabilidade e garantiu bom debate. Chegaram ao final com o país dividido porém sereno. Nas urnas a eleição está praticamente empatada (diferença de 1,2%) e o resultado agora depende dos chamados votos observados, que são os dos cidadãos que, por necessidade,

 
 Share on Facebook Share on Twitter Share on Reddit Share on LinkedIn
Comentários desativados  comments