Facebook YouTube Contato
Home Posts tagged "Bruno Covas"
formats

Orégano no Minhocão

Crônica publicada no projeto Esquina Encontros Sobre Cidades do Estadão Bruno Covas usa uma imagem divertida para dizer como as ciclovias municipais entraram em São Paulo: espalhadas como orégano em pizza. No caso, trata-se de uma crítica-chiste para provocar Fernando Haddad. Mas pode muito bem ser recebida como elogio: basta gostar da combinação orégano, queijo,

 
 Share on Facebook Share on Twitter Share on Reddit Share on LinkedIn
Comentários desativados  comments 
formats

Interlagos levanta a bandeira amarela

Já eleto prefeito mas antes de tomar posse, João Doria tirou da cartola uma de suas grandes ideias: levar a Virada Cultural para Interlagos. Justificou dizendo que no autódromo a festa ocorreria “com conforto e sem os transtornos que, infelizmente, pela dimensão que assumiu, ela proporciona”. Hoje é sabido que foi mais uma bravata do

 
 Share on Facebook Share on Twitter Share on Reddit Share on LinkedIn
Comentários desativados  comments 
formats

“Nova política” enferrujada

Órgãos públicos de todas as esferas administrativas não podem mais exigir reconhecimento de firma. Nem autenticação de cópia de documento. Ou pedir apresentação de certidão de nascimento e muito menos título de eleitor. Agora o servidor deve comparar a assinatura do cidadão com o documento de identidade. Mais: cada repartição poderá criar um grupo de

 
 Share on Facebook Share on Twitter Share on Reddit Share on LinkedIn
Comentários desativados  comments 
formats

Fiasco da privatização em Nova York

Conforme previsto, investidor nenhum confia em botar dinheiro nas privatizações propostas na cidade de São Paulo. A razão principal, antecipada aqui através do infalível método que junta lé com cré, é insegurança política e jurídica. Como mostra a reportagem do Silas Martí para a Folha de São Paulo, a apresentação do plano de privatizações para

 
 Share on Facebook Share on Twitter Share on Reddit Share on LinkedIn
Comentários desativados  comments 
formats

Chegando a hora! ACELERA SÃO PAULO

Contando as horas para a eleição! No domingo vamos votar João Doria Prefeito 45 com Bruno Covas vice e Léo Coutinho Vereador 45450. Para celebrar o direito de escolher nossos representantes Bruno Covas e Léo Coutinho foram ao Monumento à Democracia, no Ibirapuera, que homenageia governador Franco Montoro, tio-avô do Léo, e todos os líderes

 
 Share on Facebook Share on Twitter Share on Reddit Share on LinkedIn
Comentários desativados  comments 
formats

Bruno Covas, futuro vice-prefeito de SP é
Dória 45 e Léo Coutinho 45450

 
 Share on Facebook Share on Twitter Share on Reddit Share on LinkedIn
Comentários desativados  comments 
formats

Evento de Lançamento
Campanha Léo Coutinho 45450

Leo Coutinho recebeu Bruno Covas, Ricardo Montoro, João Paulo Papa e Edmur Mesquita, entre outras lideranças, amigos e simpatizantes, para o lançamento oficial da campanha para vereador de São Paulo.  

 
 Share on Facebook Share on Twitter Share on Reddit Share on LinkedIn
Comentários desativados  comments 
formats

Pela memória do Mario Covas

No ano 2000 o Ricardo Montoro tomou posse como vereador em São Paulo. Marta Suplicy era a prefeita, e numa manobra contábil driblou a lei que obriga os governantes investirem no mínimo 20% da arrecadação em educação, juntando na mesma lancheira o pagamento de professores aposentados. Ora, uma coisa é uma coisa, outra coisa é

 
 Share on Facebook Share on Twitter Share on Reddit Share on LinkedIn
Comentários desativados  comments 
formats

SP está com Aécio

Ninguém precisa revirar o fundo do baú para encontrar uma lembrança assim. Acontece mais amiúde do que se percebe, basta prestar atenção. É quando a presença de alguém de fora aproxima os que são de dentro, que em função das voltas que são da vida andavam algo desencontrados. A primeira audição de uma música pode

 
 Share on Facebook Share on Twitter Share on Reddit Share on LinkedIn
2 Comments  comments 
formats

Sobre quadrilhas

Confesso que sempre senti uma invejazinha dos petistas quando eles afirmavam que eram o único partido do Brasil. O PSDB chegou ao auge muito depressa e inchou antes de crescer, trazendo para as bases figuras que sequer procuraram entender o princípio da social-democracia e outros oportunistas muito piores. O exemplo mais infeliz é o desse

 
 Share on Facebook Share on Twitter Share on Reddit Share on LinkedIn
Comentários desativados  comments