Facebook YouTube Contato
Home Posts tagged "Cracolândia"
formats

Bansky revelado e Harry, o grande

Bansky revelado A história é mais ou menos assim: Chico Buarque driblava a zaga da ditadura militar. Com os censores no pé de todo mundo, e no dele em especial, o jeito era ser um tipo de Pelé no palco. Deu certo. Ele botou várias entre os coturnos. Sabiá, em parceria com o Tom, talvez

 
 Share on Facebook Share on Twitter Share on Reddit Share on LinkedIn
No Comments  comments 
formats

Governo, graxa e volúpia de aceleração

Um amigo que trabalhou em governo há muitos anos, mais exatamente num palácio de governo, conta a história do engraxate. Calma! Sei que esta freguesia está farta de notícias de gente engraxada em palácio. Mas o caso desse meu amigo fala antes do sentido literal. Houve um tempo em que os cavalheiros engraxavam os sapatos

 
 Share on Facebook Share on Twitter Share on Reddit Share on LinkedIn
No Comments  comments 
formats

Descriminalizou

Esforço do dia: tentar olhar o lado bom da ação policial desta manhã na Cracolândia. Raiava o sol quando as tropas entraram na Praça Princesa Isabel, a Redentora, que assinou a Abolição depois de uma discussão de quarenta anos – que ainda não terminou. Os militares saudaram seu patrono Caxias, o Duque de Ferro, ali

 
 Share on Facebook Share on Twitter Share on Reddit Share on LinkedIn
Comentários desativados  comments 
formats

Lula na cracolândia

João Alberto Lovera, que trabalhou no braço imobiliário da Odebrecht, contou ao MPF ter recebido Lula e Dona Marisa Letícia num terreno da Zona Sul de São Paulo que seria comprado pela empreiteira em nome de um laranja para posterior construção do ILILS. A defesa do ex-presidente nega. A investigação está rolando e logo dirá

 
 Share on Facebook Share on Twitter Share on Reddit Share on LinkedIn
Comentários desativados  comments 
formats

Upa, upa, UPP

Rola pelas redes um texto que toca o terror para defender os incidentes na Cracolândia. A operação teria descoberto cadáveres, bebês teriam desaparecido, estupros e linchamentos seriam corriqueiros. Obviamente, motivos mais do que suficientes para prender e arrebentar. Será? No Brasil temos cinquenta mil assassinatos por ano. Estupros? Pelo menos outros cinquenta mil, considerando só

 
 Share on Facebook Share on Twitter Share on Reddit Share on LinkedIn
Comentários desativados  comments 
formats

Redenção ou redentora?

Já faz tempo, num almoço estendido, juntei duas mesas improváveis. A que eu almoçava reunia amigos mais velhos, dois deles antigos membros da Arena, partido que sustentava os militares. Na outra, turminha mais nova, militantes políticos em fase de idealismo 100%, quase sonháticos. Causos políticos e muitas risadas. Harmonia. Então um dos cabeças brancas, Luiz

 
 Share on Facebook Share on Twitter Share on Reddit Share on LinkedIn
Comentários desativados  comments 
formats

Jogos de criança 2 – Banco Imobiliário

Neste caso eu gostava de imaginar que o dinheiro de brinquedo valia na cantina da escola, no balcão da padaria, no Frevo, no New Dog. Não haveria, como se diz, garçom triste nos meus sonhos infantis. Avançar pelas casas, aquele vaivém, de modo geral não me interessava. Mas gostava de imaginar cidades boas para viver.

 
 Share on Facebook Share on Twitter Share on Reddit Share on LinkedIn
1 Comment  comments 
formats

Conversando com a cracolândia

São quatorze minutos de amargar, mas ao cabo deles a sensação recorrente é de esperança, igual a provocada por um trago de chá de boldo que o ébrio lança mão no desjejum, na esperança de estar pronto para voltar a umas e outras no final do dia, depois do expediente. Vale a pena passar por

 
 Share on Facebook Share on Twitter Share on Reddit Share on LinkedIn
Comentários desativados  comments