Facebook YouTube Contato
Home Posts tagged "Michel Temer"
formats

Michelouco no estúdio?

O presidente Michel Temer não vai gravar mais nada? Estava indo tão bem… A bronca com Guilherme Afif sobre os fundos do Sebrae de fato não precisava, pelos jornais bastou. Mas e o João Doria? Depois de ultrapassado por Paulo Skaf na corrida paulista, resolveu atropelar Temer. Ataca o emedebista dizendo que ele é o

 
 Share on Facebook Share on Twitter Share on Reddit Share on LinkedIn
No Comments  comments 
formats

Previsão felina

Frio e calculista, diria um folhetim policial sobre Michel Temer. Quase um felino, diria eu, daqueles capazes de jantar sabiá hipnotizando a presa com o olhar. Mas alguém nesta freguesia já acuou gato? Na minha infância ainda era comum esse negócio abjeto de menino maltratar bicho, e a regra numero um todos sabiam: gato acuado

 
 Share on Facebook Share on Twitter Share on Reddit Share on LinkedIn
No Comments  comments 
formats

Verba volant multimídia

O gesticular de Michel Temer não me engana. Tenho certeza que, lá no fundo, queria ser maestro. E de algum jeito foi, com êxito inclusive. Como deputado, fazia como poucos o papel de traduzir para o Executivo as demandas do Legislativo, e voltar com as ofertas. Seu problema foi o momento de se voltar para

 
 Share on Facebook Share on Twitter Share on Reddit Share on LinkedIn
No Comments  comments 
formats

Notas soltas

Sarney voltou Se a eleição prevista para outubro já se parecia muito com a de 1989 pela pulverização de candidatos, a crise ampliada pela paralização dos caminhoneiros deve acrescentar o fator econômico entre as semelhanças. Marca da política econômica do governo Sarney, com desabastecimento e inflação, os preços tabelados voltaram à ordem do dia sem

 
 Share on Facebook Share on Twitter Share on Reddit Share on LinkedIn
Comentários desativados  comments 
formats

Fiasco da privatização em Nova York

Conforme previsto, investidor nenhum confia em botar dinheiro nas privatizações propostas na cidade de São Paulo. A razão principal, antecipada aqui através do infalível método que junta lé com cré, é insegurança política e jurídica. Como mostra a reportagem do Silas Martí para a Folha de São Paulo, a apresentação do plano de privatizações para

 
 Share on Facebook Share on Twitter Share on Reddit Share on LinkedIn
Comentários desativados  comments 
formats

1º de Maio

A reforma Trabalhista, tão celebrada pela turma que preferiu “manter isso aí” em nome do progresso, viu seu primeiro 1º de Maio chegar com prédio da Caixa Econômica Federal derretendo em pleno centro de São Paulo, dezenas de famílias exploradas por todos os lados desabrigadas e pelo menos um morto. Entre os sobreviventes contam quatorze

 
 Share on Facebook Share on Twitter Share on Reddit Share on LinkedIn
Comentários desativados  comments 
formats

Livrinho, agenda e caderneta

Tem razão o ministro Torquato Jardim quando lembra que o presidente da República deveria ser protegido do tiroteio político-policial que se instalou no Brasil. Inclusive é o que a Constituição prevê no parágrafo 4, artigo 86, que o próprio ministro citou na entrevista que a Folha publicou ontem. O problema é que ele é ministro

 
 Share on Facebook Share on Twitter Share on Reddit Share on LinkedIn
Comentários desativados  comments 
formats

E a Marinha, nada?

Sabe-se que o Presidento escolheu a base naval da Marambaia para brincar o carnaval. Era o Poder Executivo mais próximo da folia carioca, posto que o prefeito do Rio estava na Alemanha e o governador em Piraí. Mas não consta que tenha participado de algum bloco e, na avenida, o destaque da Tuiutí era só

 
 Share on Facebook Share on Twitter Share on Reddit Share on LinkedIn
Comentários desativados  comments 
formats

Intervenção militar no Rio

Haverá intervenção militar no Rio de Janeiro. Temer decretou, com aval do governador Pezão e efeito imediato, que o Exército assuma a segurança pública no estado, que significa comando sobre as polícias, incluindo os bombeiros e a área de inteligência. O interventor será o general Walter Braga Neto. O Congresso tem dez dias para aprovar

 
 Share on Facebook Share on Twitter Share on Reddit Share on LinkedIn
Comentários desativados  comments 
formats

Minha sina

Passar 2018 repetindo o que disse em 2017. Será minha sina? Me autoriza a tirar este restinho de ano para folgar? Acho que não. Em março de 2017 escrevi que a agenda Temer era inviável. Meter a PEC do Teto antes da reforma da Previdência – noves fora o mérito das medidas – acionaria uma

 
 Share on Facebook Share on Twitter Share on Reddit Share on LinkedIn
Comentários desativados  comments