Facebook YouTube Contato
Home Posts tagged "Paulo Guedes"
formats

Paulo Guedes é um número

Os antigos diziam das pessoas fanfarronas: fulano de tal é um número. Número no sentido de entretenimento, de alguém que diverte as rodas. A minha geração usava “uma peça”. A turma dos anos 1970, com os motivos daquele então, preferia “um barato”. PaGue sempre divertiu os colegas de academia com seus palpites apocalípticos. Ganhou a

 
 Share on Facebook Share on Twitter Share on Reddit Share on LinkedIn
No Comments  comments 
formats

Um cabo, um soldado e um contador

Me lembro de uma crônica do Luís Fernando Veríssimo onde um personagem narra em primeira pessoa como é tratado: me chamam de doutor, mas sou rico, não doutor. Pude experimentar a sensação lá pelos vinte anos, ao ganhar um sedã escuro. Cheguei no posto de gasolina que frequentei a vida inteira sendo tratado pelo nome

 
 Share on Facebook Share on Twitter Share on Reddit Share on LinkedIn
Comentários desativados  comments 
formats

Paulo Guedes assume a canalhice antidemocrática

O que foi a reação da polícia fluminense para dispersar a comemoração rubro-negra nas ruas? Armas de fogo em punho mirando civis desarmados, alguns acompanhados por crianças. A resposta clássica é atribuída a Pedro Aleixo, vice-presidente do marechal Costa e Silva, único membro do gabinete que se recusou a assinar o famigerado AI-5. Interpelado pelo

 
 Share on Facebook Share on Twitter Share on Reddit Share on LinkedIn
Comentários desativados  comments 
formats

O nome é Paulo Guedes

Paulo Guedes deve ser investigado. Sua trajetória recente está cada vez mais clara. E obscura. O que terá feito a partir da soma do poder econômico e da frustração histórica é de interesse público. No ano passado, sabe-se, andou procurando um candidato a presidente para chamar de seu. Poder de persuasão ele tem. Convenceu a

 
 Share on Facebook Share on Twitter Share on Reddit Share on LinkedIn
Comentários desativados  comments 
formats

Eu choro

Paulistano, emocionado amanheço sempre que garoa. Notadamente em véspera de feriado. Dia da República. 130 anos. Ou trinta da primeira eleição direta para presidente depois de 21 anos de ditadura militar. Pois é. Elegemos o Collor naquele então. E depois de tanto tempo, isso que aí está. Velho, cansado, minha ideia para hoje era um

 
 Share on Facebook Share on Twitter Share on Reddit Share on LinkedIn
Comentários desativados  comments 
formats

Veja: Assassinato de mulher grávida de oito meses foi determinante para a aliança entre Bolsonaro e Bivar

Quando a capacidade de indignação parece esgotada, toca o interfone e o porteiro avisa que chegou mais. Destacado pelo repórter Nonato Viegas como o capítulo mais baixo do racha no PSL, o caso dos aliados de Jair Bolsonaro que acusam Luciano Bivar de envolvimento em um assassinato em 1982 deveria ter sido a capa da

 
 Share on Facebook Share on Twitter Share on Reddit Share on LinkedIn
Comentários desativados  comments 
formats

Rir de quem elogia o ministro PaGue é o remédio

Olho com receio o tal “lugar de fala”, tão em voga ultimamente. Entendo e respeito os pontos de seus entusiastas e defensores, mas sinto que está muito próximo do “argumento de autoridade” que, para estrangular a amplitude que os debates públicos merecem, tem potencial especial. Um exemplo é a tendência humana em aderir às opiniões

 
 Share on Facebook Share on Twitter Share on Reddit Share on LinkedIn
Comentários desativados  comments 
formats

Lula livre, Flávio leve e Queiroz solto

O grito Lula Livre surge antes do cárcere. Não tenho certeza se já naquela controversa condução coercitiva ou se, quando da sentença decretada, o ex-presidente se encastela no Sindicato dos Metalúrgicos e, amparado por um cinturão de solidariedade da militância, resiste à prisão. Hoje, porém, o grito prescreveu. Mas antes pelas revelações da Vaza Jato

 
 Share on Facebook Share on Twitter Share on Reddit Share on LinkedIn
Comentários desativados  comments 
formats

FGTS

Não é exatamente nova ideia de liberar o FGTS  e o PIS/PASEP para botar uns caraminguás na praça, soma que pode chegar a 30 bilhões de reais. Temer já havia feito em 2017 e não deu muito certo. Me lembro da turma na fila da Caixa dizendo o que faria com a gaita: pagar dívida

 
 Share on Facebook Share on Twitter Share on Reddit Share on LinkedIn
Comentários desativados  comments 
formats

Onde estamos?

Os tarados que defendem o fechamento do Congresso e do Supremo devem estar exultantes com o recesso do Legislativo e do Judiciário, quando o Executivo, sem contraponto, faz o que quer do país. Exemplos não faltam. E o delírio autocrático escala em proporções absurdas, começando pelo presidente do STF, de plantão, decidir sozinho e a

 
 Share on Facebook Share on Twitter Share on Reddit Share on LinkedIn
Comentários desativados  comments