Facebook YouTube Contato
Home Posts tagged "Presidento"
formats

Pedro Parente da Petrobrás pediu pra sair

Pedro Parente da Petrobrás pediu pra sair. Pudera. Da minha parte, não ouvia falar tão mal de parente desde o último Natal. Parente é um técnico de primeira linha. Tem prestígio onde deve ter: no “mercado”. Mas não poderia ser deixado sozinho decidindo políticas tão sensíveis ao cotidiano da população. Para isso existe ministro, presidente.

 
 Share on Facebook Share on Twitter Share on Reddit Share on LinkedIn
Comentários desativados  comments 
formats

Aspectos da paralisação – Política

Entre os tantos erros políticos do Governo Federal, desde a construção até a “solução” da crise, um acerto se destaca: o Presidento isolou Paulinho da Força, que chegou a se oferecer para ajudar e depois reclamou publicamente do desprezo. No dia seguinte a Polícia Federal estourou a operação Registro Espúrio (crise de criatividade na PF?),

 
 Share on Facebook Share on Twitter Share on Reddit Share on LinkedIn
Comentários desativados  comments 
formats

Aspectos da paralisação – Economia

Para pagar o aluguel do Palácio do Planalto, Michel Temer não economiza. Na primeira denúncia gastou mais de trinta bilhões de reais. Na segunda, já completamente liso, lançou filipetas para os deputados candidatos a reeleição. Custo imensurável. Só o fundão eleitoral vai custar R$ 1,7 bilhão. A greve dos caminhoneiros aumentou a conta. Estima-se que

 
 Share on Facebook Share on Twitter Share on Reddit Share on LinkedIn
Comentários desativados  comments 
formats

Notas soltas

Sarney voltou Se a eleição prevista para outubro já se parecia muito com a de 1989 pela pulverização de candidatos, a crise ampliada pela paralização dos caminhoneiros deve acrescentar o fator econômico entre as semelhanças. Marca da política econômica do governo Sarney, com desabastecimento e inflação, os preços tabelados voltaram à ordem do dia sem

 
 Share on Facebook Share on Twitter Share on Reddit Share on LinkedIn
Comentários desativados  comments 
formats

1º de Maio

A reforma Trabalhista, tão celebrada pela turma que preferiu “manter isso aí” em nome do progresso, viu seu primeiro 1º de Maio chegar com prédio da Caixa Econômica Federal derretendo em pleno centro de São Paulo, dezenas de famílias exploradas por todos os lados desabrigadas e pelo menos um morto. Entre os sobreviventes contam quatorze

 
 Share on Facebook Share on Twitter Share on Reddit Share on LinkedIn
Comentários desativados  comments 
formats

A República, qual república?

Parte desta freguesia já sabe que sou calouro de Filosofia no Mackenzie. Comecei recentemente, coisa de um mês. Os amigos mais sintonizados com o glossário acadêmico perguntam: é graduação? Sim, é graduação. Isto é, aquilo que a turma costuma chamar de “fazer faculdade”. E sim, é minha primeira vez. Parênteses: a careca vem sendo providenciada

 
 Share on Facebook Share on Twitter Share on Reddit Share on LinkedIn
Comentários desativados  comments 
formats

Black Friday

Presente do governo federal para os grandes devedores de impostos, o REFIS chegou a mais de 50% do valor devido para bancos, cervejarias, montadoras, os de sempre. Pior: o desconto também é o de sempre. Todos eles tinham caixa para honrar suas obrigações em dia. Mas com a certeza da Black Friday, pra quê? Já

 
 Share on Facebook Share on Twitter Share on Reddit Share on LinkedIn
Comentários desativados  comments 
formats

Beija-Flor e Tuiuti

Não foi pouca gente que aproveitou a Quarta-feira de Cinzas para implicar com o enredo das escolas campeãs do carnaval carioca. Beija-Flor e Tuiuti meteram o dedo na ferida do que oficialmente estabelecido está. E há quem ache incoerência de uma e outra. Da primeira, lembraram que é comandada por contraventor já condenado e irmão

 
 Share on Facebook Share on Twitter Share on Reddit Share on LinkedIn
Comentários desativados  comments 
formats

Minha sina

Passar 2018 repetindo o que disse em 2017. Será minha sina? Me autoriza a tirar este restinho de ano para folgar? Acho que não. Em março de 2017 escrevi que a agenda Temer era inviável. Meter a PEC do Teto antes da reforma da Previdência – noves fora o mérito das medidas – acionaria uma

 
 Share on Facebook Share on Twitter Share on Reddit Share on LinkedIn
Comentários desativados  comments 
formats

Coisa feia, Luislinda

Coisa feia, Luislinda. A petição pelos sessenta mil mensais já era deplorável. Suas explicações conseguiram piorar a cena. Com destaque ao paralelo entre trabalho escravo e as obrigações impostas pelo Estado-feitor, como despesas no cabeleireiro, perfume e que tais. Minha luta pessoal é por separar declarações conforme seu contexto. Desprezo “argumentos de autoridade”, onde títulos

 
 Share on Facebook Share on Twitter Share on Reddit Share on LinkedIn
Comentários desativados  comments